Registro de Direito Autoral – Texto Registrado - Cabeçalho Registro de Direito Autoral – Texto Registrado - Cabeçalho

Pesquisa:       Autor       Titulo      Nos textos  
           Perfil de Pati Coppola

         Site:     

         Dados: O Moderno do Retrógrado

E como acreditar que estamos evoluindo se a cada dia que passa a realidade nos mostra o avesso dessa situação?
Até parece que vivemos outras épocas, bem menos desenvolvidas, porém, com problemas, por ora, tão banais e insignificantes!
Há bem pouco tempo atrás, lá pelos anos 50, 60, as pessoas visavam uma família, um lar, filhos, amor eterno... e suas preocupações não ultrapassavam trabalhar e conseguir “sustentar” este lindo sonho!
Hoje por sua vez, com tantas tecnologias e modernidades, o que temos e vemos cada vez mais, é o distanciamento das pessoas, a solidão, comidas individuais e filhos “in vitro”.
As mulheres ganharam liberdade mas não o respeito, o trabalho mas não o salário... A ganância tomou conta dos lares, dos pares e dos Governantes que são os maiores responsáveis pela violência, sem dúvida nenhuma, pois são detentores e formadores das Leis, leis estas, super ultrapassadas hoje no Brasil.
Queremos mais, queremos paz, de espírito, de alma, de CALMA! Uma São Paulo com menos trânsito, um Rio de Janeiro mais pacífico e uma Bahia com muito mais Axé...
Menos doenças, brigas, mau humor, sujeira, roubo e mais AMOR, por gentileza, caso não se incomode!
O respeito por mim, por você pelos nossos admiráveis e guerreiros professores, filhos mais obedientes e pais menos flexíveis; dar cor a este mundo lindo, fé para os brasileiros e luz para a humanidade.
Mais Angelina’s, Gagliasso’s, Huck’s... Menos pobreza, tristeza e indiferença. Torcedores menos aficionados,
Afinal, estamos vivendo ou sobrevivendo? Me pergunto como vivem uma família, pais e três filhos, de aluguel e com um salário mínimo? Uma passagem ida e volta de transporte público custando por mês 1/5 aproximadamente do salário?
Gastamos mais tempo na rua, no trânsito, trabalhando em um ou mais empregos, do que com as nossas famílias... esta certo tudo isso? A doença da moda é Stress e não atinge somente os de mais idade não, crianças já sofrem deste mal a tempos... Comidas prontas, rápidas e deficientes, viram os aclamados dos “sem tempo”. Agora a vida é rápida e o que não é prático cai no desuso.
Que as pessoas aprendam a abrir mais os olhos, o coração e menos a boca. Que a briga seja em palavras e, a arma mais utilizada seja a compreensão. Que voltem os pais a ensinar seus filhos, e manter a disciplina.
Humildade no mundo e respeito pelos mais velhos. Ceda mais lugares, atenção, carinhos... Curta a terapia do abraço bem apertado. Beijos longos e amor incondicional por pessoas, coisas, momentos... Seja gentil e simpático todos os dias. Retribua sempre, e mesmo sem receber... se doe mais, reclame bem menos!
Sinta a brisa, admire o nada! Acorde 5 minutos antes para espreguiça-se mais. Alonguem-se atééé.... achar que cresceu, e daí levante, para mais um dia de trabalho, de luta de crescimento, de conquista... da sua conquista profissional e pessoal. Faça a diferença pra você, e porque não hoje na vida de alguém também? Só vai depender do seu sorriso, do seu bom dia, da sua cortesia. Vai em frente sem medo, faça a sua diferença, por você, o mundo com certeza agradece!


Data Título Gênero Autor
05/04/2017 - 17:16:21   O Moderno do Retrógrado Artigos Pati Coppola
  

« anterior [1]  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19 próximo » 

Login ou e-mail:
Senha:

senha até 10 caracteres:


Lembrar Senha
       


 
Este site é um produto da Marquei Soluções Internet Ltda - QD 301 RUA D CONJ 02 LT 5/6 S. 303 - BRASÍLIA - DF - 71901-110
CNPJ: 04.343.779/0001-07       -  contato@textoregistrado.com.br